segunda-feira, 13 de abril de 2020

Morre cantor e compositor Tantinho da Mangueira, aos 72 anos



Morreu no domingo de Páscoa (12) o cantor e compositor Tantinho da Mangueira, aos 72 anos, um dos baluartes da Estação Primeira. O anúncio foi feito pela agremiação através de suas redes sociais. A causa da morte não foi divulgada. “É com imensa tristeza que informamos o falecimento de nosso baluarte e grande compositor Tantinho da Mangueira. Uma perda enorme para a Estação Primeira e para o samba”, publicou a escola. O também mangueirense Nelson Sargento fez uma homenagem à Tantinho numa rede social. "Música brasileira em luto.

 Adeus amigo amado. Fará muita falta. Altíssima linhagem de nossa Mangueira. Te amo pra sempre.", escreveu o sambista. Nascido e criado no Morro da Mangueira, na favela de Santo Antônio, Devani Ferreira (seu nome de batismo) conviveu desde pequeno com figuras da realeza do samba mangueirense, como Cartola, Dona Neuma, Nelson Cavaquinho, Nelson Sargento, Carlos Cachaça, e Padeirinho (compositor que homenageou com o álbum "Tantinho canta Padeirinho da Mangueira").

Nenhum comentário:

Postar um comentário